quarta-feira, 25 de março de 2009

CARTA ABERTA À POPULAÇÃO DE ARACRUZ

AMIGAS E AMIGOS DE ARACRUZ,

Como Deputado Estadual e cidadão não poderia deixar de me pronunciar acerca dos recentes escândalos envolvendo o alto escalão da Prefeitura de Aracruz.

Com grande tristeza temos acompanhado em todos os jornais, TVs e rádios do Estado o envolvimento de membros da Administração Municipal em uma série de supostos crimes e desmandos extremamente graves.

Neste momento é necessário alertar a população sobre uma grande campanha de marketing implantada em nosso Município, com o objetivo de transformar culpados em vítimas. Vir a público agora e dizer que NÃO SABIA DE NADA, é trair a boa fé e subestimar a inteligência do povo aracruzense. O Prefeito é o Ordenador de Despesas, é o responsável legal por todos os atos administrativos. É ele quem conclui todos os processos de licitação. É ele quem indica os cargos de “confiança”. A última assinatura é a dele!

O Prefeito Ademar Devens tenta agora se isentar da responsabilidade alegando que o ordenador de despesas é o secretário. Ora, quem foi que o povo elegeu? O bom administrador é aquele que delega e cobra, ele é legalmente co-responsável.

Enquanto o nosso Governador Paulo Hartung e o seu Vice Ricardo Ferraço, varrem o crime organizado do nosso Estado, o município de Aracruz caminha na contramão das ações do Governo Estadual, envergonhando a todos nós.

É do conhecimento de todos que o agora ex-Procurador da Prefeitura de Aracruz já esteve envolvido em supostas irregularidades na Prefeitura de Linhares e de São Mateus. Porque então, diante de todas as evidências negativas o prefeito mesmo sendo alertado diversas vezes, inclusive nos debates políticos, contratou esse cidadão para um cargo tão importante?

Colocar agora toda culpa no Secretário de Suprimento é tentar esconder e proteger outros tantos envolvidos, numa atitude, no mínimo, muito enganosa.

Quem está pagando os dois renomados advogados que foram contratados para defender o ex-servidor preso?

Há cinco anos, o Prefeito assinou um Termo de Compromisso com o movimento Transparência Capixaba, onde se comprometeu a efetuar licitações abertas e realizar Prestação de Contas em praça pública. Porque nunca fez?

Porque o município de Aracruz mesmo com toda riqueza e uma arrecadação de aproximadamente R$ 20 milhões por mês, fechou o restaurante do povo que atendia 600 pessoas carentes por dia?

Porque a saúde pública está cada vez pior?

Porque o homem do campo anda tão esquecido? As estradas vicinais estão abandonadas.

Porque os Servidores Públicos Municipais estão sendo desvalorizados e desrespeitados?

Do que adianta tanta riqueza se o Povo, que mais precisa, é justamente o que mais sofre!

E enquanto o nosso povo é enganado pelas propagandas pagas na imprensa capixaba, as malas de dinheiro, as licitações fraudulentas, as luxuosas propriedade rurais de alguns secretários afrontam nossa população, sobretudo os mais humildes.

A máscara caiu!!! Chega de tanta mentira!!! Este episódio é apenas o começo de tantos outros males que ainda serão descobertos pelas autoridades competentes. O Prefeito mente quando fala que não sabia e mente falando do dinheiro que não é da Prefeitura.

Nesse momento tão delicado conclamo toda sociedade, os vereadores - legítimos representantes do povo, as Instituições, as lideranças civis e religiosas, empresários, estudantes e a imprensa, todos nós juntos VAMOS EXIGIR RESPOSTAS PARA TANTAS PERGUNTAS!

Vamos acompanhar e confiar no brilhante trabalho desenvolvido pelo Ministério Público e das Autoridades Policiais, para que toda verdade venha à tona e que todos os culpados sejam punidos, com os rigores da Lei, pois só a exoneração de alguns não é suficiente para justificar tanta desonestidade com o dinheiro público.

Para ser homem público é preciso que haja coerência entre o discurso e a prática. Não basta dizer que é honesto e transparente, quando os fatos descobertos apontam outra realidade.

Gostaria nesse momento de fazer um apelo à imprensa capixaba, que tanto respeito, pois estão tentando, a todo custo inocentar o Prefeito de Aracruz e vocês jornalistas, são inteligentes e sabem que o Prefeito é o gestor maior do município, é o ordenador de todas as despesas. Portanto, em nome do povo de Aracruz, não deixem esse fato cair no esquecimento.

O povo me conferiu o direito de representá-lo, e não faz parte de minha formação moral usar esse tipo de artifício para me promover politicamente. Não preciso disso para conquistar meu espaço junto aos eleitores. Como ele mesmo diz: “a boca fala, do que está cheio o coração.”, no caso dele de mentiras, no meu INDIGNAÇÃO.

Um grande e fraternal abraço a todos.

Que Deus proteja nossa cidade e nossa gente


Marcelo Coelho
Deputado Estadual e cidadão de Aracruz
* Este texto foi lido na Sessão Ordinária, da Assembleia Legislativa, no dia 23/03/2009.

Um comentário:

caetano disse...

é muito bom cobrar coerencia das pessoas, mas gostaria que vc explicasse o porque se afastou da luta pela pavimentação asfaltica do trecho aracruz a santa rosa. E observe que tenho visto pela internet que a cobraça sobre este assunto a voce é constante. O que estamos querendo de voce é apenas informação sobre o assunto visto que quando estava tudo certo para inicio das obras voce estava sempre presente e agora?